sexta-feira, 26 de março de 2010

TV católica apela ao 3D para arrebanhar fiéis nos EUA

da Folha Online.

 

CatholicTV estreou programas em 3D, num esforço para atingir pessoas, e fazer com que a mensagem de fé se torne mais vívida Avatares e Chapeleiros Malucos já estão fazendo suas apresentações para a audiência americana em 3D, e Shrek virá em breve. Agora, a rede de televisão nacional católica dos Estados Unidos está lançando padres na tecnologia.

A CatholicTV estreou programas em 3D, num esforço para atingir pessoas jovens, e fazer com que a mensagem de fé se torne mais vívida. A rede colocou muitos programas com a tecnologia na internet, lançou uma revista mensal --com óculos adicionais-- e disse que vai transmitir alguns programas televisivos em 3D.

O diretor da CatholicTV, reverendo Robert Reed, disse que está planejando a introdução do 3D após o sucesso do filme "Avatar", de James Cameron, e de "Alice in Wonderland", de Tim Burton.

"É uma alternativa para nós mostrarmos que acreditamos na nossa mensagem, é relevante, e estamos indo para o uso de todas as possibilidades que tivermos para levar a mensagem às pessoas", diz Reed, cuja rede alcança audiência entre 5 e 6 milhões de residências nos EUA.

Stephen Prothero, professor de religião da Universidade de Boston, aplaudiu a CatholicTV por se arriscar com a tecnologia para atrair audiência jovem. Cristãos evangélicos, diz ele, são mais propensos a isso.

Mas se os programas não forem atraentes, afirma ele, pode reforçar a ideia de que a Igreja Católica está fora de sintonia com o momento.

"Manter-se moderno é difícil, e James Cameron é melhor nisso do que o papa Bento 16", observa o pesquisador.

Com Associated Pres

 

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u711477.shtml

 

A muito tempo tenho visto e falado sobre as novas metodologias evangeliscas católicas. Será que a “Velha Dona” estaria se “neopentecostalizando” o grande fato é que aderiram com clareza o mundo “pop”, que pena, perdemos um adversário a altura.

Postagens populares

Fernando Pessoa.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma. É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Pedras no caminho?

Guardo todas, um dia vou construir um castelo…