domingo, 15 de março de 2009

Mensagem Semanal.

Firmando a fé dos nossos irmãos.

Lucas 22.31,32.

Disse também o Senhor: Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu para vos cirandar como trigo; Mas eu roguei por ti, para que a tua fé não desfaleça; e tu, quando te converteres, confirma teus irmãos.

Amados irmãos.
Estamos vivendo uma época muito importante na historia da Igreja de Jesus Cristo nosso Senhor. Estamos numa fase, que eu creio que é a ultima fase da nossa Igreja aqui na terra. E a Bíblia Sagrada através das suas passagem, chama este momento de “grande apostasia” momento em que o amor de muitos iria se esfriar.

O amor ao nosso próximo esta deixando de existir em nossos corações. Cada vez mais nós estamos cético, frios e taxativos em relação aos nossos companheiros de fé. Não temos mais tempo para atender as suas necessidades, não temos tempo de visitá-los, enfim não temos mais tempo para eles.

Não há mais amor dentro de nossas Igrejas, não há mais amor dentro de nossos lares, não há mais espaço para o amor em nossas vidas, mas em I Cor. 13.1-3. Podemos analisar aqui que não importa o que eu faça, dentro ou fora da igreja, se não houver amor dentro do nosso coração, de nada serve, não adianta eu fazer todas as minhas obrigações e ainda assim não amar o meu próximo, o amor deve fluir em nossas vidas.

Não existe mais amor no mundo em que vivemos, mas deve sempre existir no povo de Deus. Nós não podemos ficar longe do amor porque “Deus é amor” I João 4.8 Aquele que não ama não conhece a Deus; porque DEUS É AMOR. Devemos amar os nossos irmãos e compartilhar com eles o nosso tempo.

A palavra que nos lemos no inicio, fala de uma ordem direta de nosso Senhor Jesus de Nazaré. “Pedro, quando te converteres, confirma teus irmãos”.

O que é confirmar o nosso irmão? Confirmar o nosso irmão e dar o total suporte para que ele tenha uma boa estrutura na fé em Jesus. Que ele esteja a cada dia estruturado na palavra de Deus, com uma base sólida. “Firmado na rocha” Lucas 6.48

Mas nos dias de hoje com a falta do amor, não estamos tendo mais a disposição para ajudar nossos irmãos. Pensamos que os nossos próprios problemas já nos são suficientes, assim, já não temos tempo e nem espaço para ajudar nos problemas do nosso irmão.

Jesus Cristo sabia que era necessário ter um entre os doze que não desfalecesse no momento de dificuldade. Tinha de haver um que entusiasmasse os demais irmãos. E mais a frente no dia de pentecoste, observamos um Pedro valente e audacioso pregando para uma grande multidão e após o seu discurso mais de 3 mil pessoas se renderam ao evangelho de Jesus Cristo; Um Pedro que na porta chamada formosa diz: “não tenho prata e nem ouro, mais o que eu tenho eu te dou, no nome de Jesus levante e ande” – Assim temos um Pedro verdadeiramente convertido.

O restante da ordem de Jesus é que ele confirme a fé dos seus irmãos. Mandamento que soa por quase dois mil anos no leito da Igreja. É dever da comunidade cristã, mergulhar nesta palavra, que para nós não pode ter conotação diferente. Temos que ajudar os nossos irmãos em todos os sentidos. Se colocar do lado deles, oferecer uma amizade verdadeira, orar para que o Senhor interceda em seu favor.

Não podemos mais agir de uma forma arrogante. Quando o irmão estiver com problemas, não seja o primeiro a jogar pedra nele. Procure levar um ombro amigo, para que ele não se perca no meio do caminho. Porque Deus vai cobrar esta vida de você.

Para ajudar uma pessoa que esta em dificuldade, a primeira coisa que devemos fazer é de se colocar no lugar dela, tentar sentir o que ela esta sentindo naquele momento, só assim poderemos ter a dimensão do problema, para poder levar uma palavra de consolo. E nunca esquecer de dizer para ela que Jesus à ama e padeceu por este amor.

Vamos fortalecer os nossos irmãos.

Postagens populares

Fernando Pessoa.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma. É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Pedras no caminho?

Guardo todas, um dia vou construir um castelo…